Luíza GoisSaúde

Manchas na pele

Quais são os tipos e como tratar cada uma da melhor forma.

Manchas na pele: Quais são os tipos e como tratar cada uma da melhor forma.

Você tem manchas na pele? Se sim, isso deve te incomodar, mas saiba que existem vários tipos de manchas e que elas podem ser tratadas de formas diferentes, até mesmo com produtos usados em casa.

Como nasce uma mancha? Entenda o processo de hiperpigmentação. Geralmente as manchas são frutos de processos inflamatórios, como espinhas, machucados, queimaduras, exposição solar excessiva, procedimento e até reações causadas pelo uso de algum produto. Isso acontece primacialmente em quem tem pele morena, que bronzeia com mais facilidade, ou negra, que tem a melanina mais ativada.

Funcionar assim: Você lesiona a pele, ela inflama e ai vai acontecer uma série de fatores que vão estimular o melanócito (célula responsável pela produção de melanina) naquela região, causando a mancha.

Melanoses ou manchas senis: São escuras, arredondadas e surgem com o passar dos anos no corpo devido a exposição prolongada ao sol.

Efélides ou sardas: Geralmente se manifestam no rosto de crianças ou jovens que tem a pele muito clara, após exposição em excesso ao sol.

Melasmas: Normalmente surgem depois da gravidez, uso de pílula anticoncecional ou exposição ao sol, e acontece com maior probabilidade na região das maçãs do rosto, buço e testa. Pode aparecer em outros locais, como os braços, mas em casos raros.

Manchas de pós-acne: Aparecerem depois do processo inflamatório da acne. No início, são manchas avermelhadas que podem se tornar amarronzadas.

Ceratose seborreica: São lesões ásperas, escuras ou esbranquiçadas. Podem ocorrer na face, couro cabeludo, membros e tórax. Muitos pessoas confundem o problema com verrugas, mas esse quadro é benigno e só traz incômodo estético.

É possível evitar uma mancha! Saiba como: Se sua pele tiver alguma tendência a manchar com facilidade, todo cuidado é importante. Por isso recomendo algumas medidas importantes para você ter com a região: Ter atenção ao realizar procedimentos estéticos que podem causar algum tipo de inflamação, como laser e peeling; evitar ao máximo se ferir ou se machucar; controlar qualquer quadro de acne com ajuda do dermatologista; e usar protetor solar todos os dias.

Mostrar mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo